Despedida

Estava tudo certo! Malas prontas. Passagem comprada. Passaporte e visto em dia. Porém, lágrimas brotavam de seus olhos e uma emoção estranha percorria seu peito. Uma nova vida estava para começar.
Olhou para seu quarto, suas coisas, tantos momenos vividos alí, tantas lembranças. Óbvio que ia voltar! Era só por um ano que ficaria fora. Pelo menos era o que pretendia... Saiu do quarto e Nick veio correndo para brincar com ela. Parecia que sabia da sua partida. Os cachorros sentem! Abraçou-o e foi até a garagem onde seus pais a esperavam para levá-la ao aeroporto.
No trajeto, foi prestando atenção em tudo: nos carros, nas casas, prédios, pessoas... Coisas que antes ela nem havia notado que existia. Despediu-se de cada coisa. Mesmo reclamando tanto daquela cidade, sabia que sentiria falta dali, afinal, foi onde nasceu e cresceu, conheceu seus melhores amigos e viveu tantos momentos.
No aeroporto, teve uma ótima surpresa! Seus amigos a aguardavam ansiosamente. Todos quiseram abraçá-la e beijá-la. Entre risadas e muitas lágrimas se despediram.
Na fila do check-in, apesar de feliz por ter todos amigos ali e sentindo uma grande expectativa pelo que a aguardava, sentiu falta do abraço de alguém que não recebeu até então. Ele não tinha ido se despedir dela! "Talvez esteja muito ocupado!", pensou.
Antes de entrar no portão de embarque, despediu-se de seus pais. Mais lágrimas inundaram seus olhos e, quando se virou, avistou a pessoa que estava faltando naquela ocasião. "Ele veio!" Correu em sua direção e o abraçou. Ele retribuiu num abraço aconchegante. E lhe deu um beijo... Intenso, daqueles de cinema! As pessoas ao redor olhavam admiradas para aquele casal tão apaixonado no saguão do aeroporto. Que vontade ela tinha de levar um pouco daquele momento num potinho para sentí-lo nas ocasiões que batessem a solidão e o medo.
Enfim, ela embarcou no avião. Ainda um pouco ansiosa pelo que a esperava, começou a lembrar do que fez e viu de sua casa até ali e pensou no quanto era feliz, em como tinha pais adoráveis, amigos sinceros, um cachorro amoroso e uma pessoa que realmente despertava o amor dentro dela. Sabia que nessa viagem apesar da saudade de todos, sua vida só tinha a melhorar cada vez mais. Assim, partiu para um país distante em busca de alguns sonhos, deixando uma parte dela naquelas pessoas tão especiais. E mais uma vez seus olhos encheram-se de lágrimas.

Comentários

  1. Nossa....
    esse texto parece a minha história!!!
    rsrsrs
    adorei...me emocionei...enquanto eu lia passava um filme na minha cabeça!!!
    Adorei mesmo!!!
    Meus parabéns o blog tah muito massa...vou passar sempre por aqui!!!

    Grande abraço e boa noite!!

    ResponderExcluir
  2. São momentos como esse que a gente percebe o valor de tantas coisas indispensáveis para uma pessoa viver feliz.

    convido você a conhecer o Antologia Racional
    http://www.antologiaracional.com/

    ResponderExcluir
  3. É bom acreditar no sonho e saber que você tem amigos que te apóiam...

    Bem legal o texto!!!

    ResponderExcluir
  4. Meu, muito bom seu texto! É na despedida que se descobre o quanto uma pessoal é essencial para você...

    http://papeisriscados.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Incrível como a gente reclama da vida mas não consegue deixar pra trás algumas coisas.

    Boa sorte para a garota da história... que ela encontre felicidade num país estrangeiro

    ResponderExcluir
  6. São momentos e pessoas que marcam nossa vida que ficam na memória.

    ResponderExcluir
  7. Adorei o texto, conseguiu me deixar presa.
    Muito bom!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

De repente, 30!

Instabilidade emocional

Pois é, Trintei!!