segunda-feira, 30 de abril de 2012

realizando.

 

"Para realizar grandes conquistas, devemos não apenas agir, mas também sonhar; não apenas planejar, mas também acreditar."

(Anatole France)

quarta-feira, 25 de abril de 2012

do futuro.


"Intuição é quando seu coração dá um pulinho no futuro e volta rápido."

(Mario Quintana)

terça-feira, 24 de abril de 2012

sexta-feira, 20 de abril de 2012

invenções.

 

inventar um amor
real
dá folga pra rotina,
adoça a vida,
colore nosso dia
como poesia.

terça-feira, 17 de abril de 2012

Soltarlo.

 

"Soltarlo, dejarlo ir 
Que vuele
Que encuentre su propia voz
Ya no me pertenece a mí
Yo se lo dejo a él

Soltarlo al aire dejar salir
Del pecho este sentimiento
Que en mi murió
Yo ya vi mi sol nacer
Y hoy vuelve a amanecer

Volver a comenzar en la vida
Mirando un cielo azul
Con fe y con mi poder
Con todo el corazón
Llevando esta canción por la vida..."


domingo, 15 de abril de 2012

en las margenes del Plata IV.

uma viagem de introspecção.
descobrindo um pouco mais do mundo
e transformando o meu mundo.

sábado, 14 de abril de 2012

en las margenes del Plata III.

Creo que cada ciudad del mundo tiene su toque romántico.
Basta mirarlas con ojos de poesía.

en las margenes del Plata II.

outono doce
dos encantos de Montevideo
ando por entre suas ruas
pintadas com as folhas secas 
caídas dos plátanos
me perco pela cidade
me encontro (muito) em mim

domingo, 8 de abril de 2012

joyeux anniversaire.


Já me disseram que eu sou uma pessoa que anseia muito pelo dia do aniversário. Pois talvez seja por isso que ele se torne tão bom e tão especial. Não somente pela ansiedade em chegar o data, mas também pela intensidade em comemorá-lo.

E esse 8 de abril foi incrível. Foi doce.
Foi perfeito.
Foi o meu dia.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

como um livro.



Sou como um livro,
Há quem me interprete pela capa.
Há quem me ame apenas por ela.
Há quem viaje em mim.
Há quem viaje comigo.
Há quem não me entende.
Há quem nunca tentou.
Há quem sempre quis ler-me.
Há quem nunca se interessou.
Há quem leu e não gostou.
Há quem leu e se apaixonou.
Há quem apenas busca em mim palavras de consolo.
Há quem só perceba teoria e objetividade.
Mas, tal como um livro, sempre trago algo de bom em mim.

(desconheço o autor)

lost dream.

 

sonhei um sonho
estava distante
e perto de ti

você não me via
era todo olhos nela
era dela
e não meu
(mas quando você foi meu?)

eu não entendia
me sentia nostálgica
perdida
do tempo e das coisas
do 'nós' de ontem

me sentia sentida,
contida
ao mesmo tempo
aliviada por um peso
que nem existia

e feliz por você

então, acordei
sentindo-me vazia do velho
e completa
de mim.

quinta-feira, 5 de abril de 2012

c'est un blues.

"Quand ça grande, quand ça me mord
Alors oui, c'est pire que tout
Car j'en veux, hum hum, plus encore..."
(Carla Bruni)

terça-feira, 3 de abril de 2012

poesia.

 
"Poesia serve exatamente para a mesma coisa que serve uma vaca no meio da calçada de uma agitada metrópole. Para alterar o curso do seu andar, para interromper um hábito, para evitar repetições, para provocar um estranhamento, para alegrar o seu dia, para fazê-lo pensar, para resgatá-lo do inferno que é viver todo santo dia sem nenhum assombro, sem nenhum encantamento."

(Martha Medeiros)

poner el amor en todo.

 

essa coisa de fazer um trabalho com amor vem de berço.
ou mais além.
do meu avô
e de mim.

essa vontade de aprender
e ensinar
e aprender mais.

ter humildade
com perfeição.
ter dedicação,
surpreender
e ter paixão.

se vai longe
quando se tem coração pelo que se faz.

Da poesia das crianças...

 

'Se as nuvens fossem mesmo de algodão doce, então o céu seria um paraíso açucarado.'

Well, Gabi...

segunda-feira, 2 de abril de 2012

'los días raros son muchos y los días buenos, raros.'


 Poesia é fazer-se de momentos.

do amor e dos pensamentos.

 

Entre nuvens e pensamentos me questiono se cada pessoa tem um outro alguém no mundo. Porque não é possível viver sozinho para sempre. E eu acho que, se ainda não encontramos esse alguém, há sim uma outra pessoa que de alguma forma cabe direitinho na nossa vida. Nosso número! Um alguém que faz as mesmas coisas que nós e nesse exato momento está pensando também que deve ter alguém que se encaixe na sua realidade. Isso parece absurdamente sem sentido, eu sei.  Por isso, melhor deixar pra lá... E sonhar. Porque quando esse encontro acontece, mesmo em sonhos, é tão bonito.