Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2010

Doce inquietude II

Imagem
Ainda não se sabe exatamente o que é esse sentimento que veio chegando aos pouquinhos, sem ser percebido, pelo menos não do jeito que era para ser. Mas é algo definitivamente grandioso! E como é bom sentí-lo... Ah, isso sim.
O carinho que sinto é imenso, a saudade insuportável! Saber que não posso estar com ele gera uma sensação de impotência tão forte que me sinto absurdamente pequena.
O que era para falar, já foi falado (tirei um peso enorme do meu peito).  O que era para fazer, já foi feito (pelo menos da minha parte, apesar da demora em agir). Agora, o que me resta é esperar... Será?
Já não sei mais.

Vida em movimento

Imagem
Depois de tanto tempo, enfim consegui me ver livre de um relacionamento que me conturbava tanto. E pude constar também que posso sim me apaixonar por outras pessoas, coisa que nem lembrava mais como era. Só não sabia que isso iria acontecer tão logo... E por alguém tão próximo também. Ironia do destino? Não, Coisas da Vidamesmo.