É a vida!

No intervalo entre o nascimento e a morte existe algo extremamente complexo, grandemente formidável, transitoriamente abalável, meramente simples, que contêm emoções fortes e sutis, amores felizes, mas também desilusões. Existem frustrações, medos, alegrias e tristezas, caminhos tranquilos e os cheios de bifurcações. Entre o nascer e o morrer há a VIDA, esse tão magnífico presente divino! Há quem acredite que possa existir continuação depois da morte, há quem descrê em seu segmento. Mas o que importa mesmo é o merecido valor dado a cada pedacinho de momento dela; é senti-la de maneira intensa, olhá-la com o coração, cuidá-la com carinho. Porque, mesmo existindo ou não outras vidas, essa aqui é única, exclusiva desse tempo e perfeita para todo o sempre.

Comentários

  1. a vida eh o presente divino mais sublime!

    ResponderExcluir
  2. Belo texto...
    A vida é um eterno e maravilhoso misterio

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. E curtamos a vida, que ela é CURTA!

    Adorei! Muito bom mesmo!

    http://rosas-inglesas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Tudo está combinando. O laylot está muito bonito, os textos, a organisação, gostei muito do conjunto da obra.

    ResponderExcluir
  5. Às vezes pensamos em como nossa vida é injusta em como nada dá certo, e nada bom nos ocorre...
    Mas a verdade é que temos que aproveitar a vida ao máximo e perceber como ela é maravilhosa e curta!

    Beijos,

    Girl

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

De repente, 30!

Instabilidade emocional

Pois é, Trintei!!