l'amour à la française.

"Ela acreditava que o amor tinha o poder de elevar, e não de degradar, e se agarrava a essa visão idealista apesar do sofrimento que lhe causaram seus casos amorosos."

(do livro: Como os franceses inventaram o amor)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

De repente, 30!

Instabilidade emocional

Pois é, Trintei!!