das pessoas em poesia e dos cafés em prosa.

 

E essas pessoas que dão um frio na barriga da gente, que transbordam simpatia e iluminam nosso dia com um sorriso doce. Essas pessoas que te deixam meio sem ar, que têm ternura, transmitem alegria. Essas pessoas que nos deixam meio sem jeito, que fazem nosso coração pular fora do peito, radiante. Pessoas que nos fazem suspirar, que colorem o dia da gente. Pessoas que exalam poesia. Pessoas que são um presente pra gente e que valem muito, mas muito à pena as termos por perto.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

De repente, 30!

Pois é, Trintei!!

Instabilidade emocional