Surpreendente alívio

E de repente notou que, o que sentia por ele acabou. Na verdade, foi morrendo pouco a pouco dentro dela até se esvair completamente. Mas ela havia percebido somente agora. Mesmo assim, por mais que ela se espantasse por algo que jamais acreditava que fosse acontecer pois sempre crera que aquele 'amor' era pra sempre, não estava triste, e sim, aliviada.

Agora tinha o coração leve outra vez. Sentia-se contente e serena. Cheia de vida.

Comentários

  1. Hoje, eu queria ter esse alivio em meu coração.
    Mas parece que ele não virá tão cedo!

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Vou tentar ser criativa, então: de certo modo é triste este momento, o da libertação... mas até a borboleta esquece um dia que foi lagarta... e voa!!

    ResponderExcluir
  3. Eu quero a libertação do meu coração, quero sentir ele leve outra vez..

    ResponderExcluir
  4. O alívio traz contentamento, ainda mais no amor.
    Amar é igual a sofrer.
    Sofrer nem sempre é amar.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Oii Ane, você não me conhece na verdade, mas eu estava pesquisando na internet e acabei encontrando seu blog. Achei muito legal e maravilhoso tudo isso que você escreve, se você for mesmo a autora, está de parabéns, queria saber escrever dessa forma também. Eu tento alguma coisa, mas não fica tão incrível assim.
    Bom, é isso, boa sorte com seu blog =]

    Bjoos :* by Nath

    P.S. Se tiver interesse entre no meu blog e da minha irmã:
    www.our--rules.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. aah como é bom sentir esse alivio!

    adorei seu blog! :)

    beijos

    ResponderExcluir
  7. Lembrou-me exatamente a sensação que experimentei, deliciosamente contraditório, tempos atrás.

    E, claro, não fui o único.

    Um brinde aos novos tempos!

    ResponderExcluir
  8. as vezes engolimos tanta dor e tantas coisas ruins que não percebemos o tamanho que ja estamos. Quando enfim ha a explosão, como se fosse a massa de um bolo saindo do forno quente.
    Mais então enfim vc percebe como ficou magra e poderosa,porque toda a carga foi para longe de vc.Mais não se preocupe porque nós mulheres sempre estamos fazendo outros bolos.

    ResponderExcluir
  9. Há poucos minutos eu estava conversando com um amigo exatamente sobre isso, as mesmas palavras, quando acabei por acaso entrando no teu blog e dei de cara com o texto. "As coincidências são as impressões digitais de Deus."

    ResponderExcluir
  10. Há quanto tempo não dou um pulo aqui...
    ...já estava morrendo de saudades! Prometo que agora vou passar sempre.

    Um beijo!

    Gi

    ResponderExcluir
  11. Eu tambem deixei um pouco de lado o blog. Precisei dar uma distanciada para dar importância a universidade, trabalho, cursos etc.
    Tive até que - infelizmente - terminar a sequência de textos do DIVÃ.
    Mas logo começarei outro e espero agradar.
    Aguardo mais textos no seu e espero comentários no meu, ok?
    Beijos. Até uma próxima!

    ResponderExcluir
  12. seu blog é lindo e essa postagem perfeita. Beijos e Luz
    marta rodrigues

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

De repente, 30!

Instabilidade emocional

Pois é, Trintei!!