segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

dos olhares casuais.

do olhar
que penetrou na alma,
fez arrepiar-me
de azul.

Nenhum comentário:

Postar um comentário